Skip links
bursite de ombro

Bursite no ombro: guia completo de como identificar e tratar

Se você já experimentou dores e desconforto no ombro, é provável que tenha se perguntado se está sofrendo de bursite no ombro. A verdade é que, muitos de nós podem não saber exatamente do que se trata a bursite ou até mesmo como ela pode afetar nossas vidas. Para os que sofrem com essa inflamação que pode afetar tanto esportistas quanto pessoas comuns, o desconforto pode ser insuportável. 

Felizmente, existem passos a serem tomados para identificar e tratar essa condição. Este guia completo irá ajudá-lo a entender os sintomas de bursite no ombro e fornecerá todas informações sobre essa condição para que você procure um especialista e inicie um plano de tratamento eficaz para ajudá-lo a se recuperar rapidamente. Então, não ignore os sinais do seu corpo e siga adiante para saber mais sobre como lidar com a bursite no ombro. Vamos lá!

O que é bursite no ombro?

A bursite no ombro é uma inflamação das bursas (ou bolsa sinovial) que é um pequeno saco cheio de um fluído (líquido) gelatinoso. As bursas permitem reduzir os atritos atuando como amortecedores e por isso estão situadas entre o osso e os tendões / músculos. A inflamação dessas bursas geralmente ocorre em pessoas que exercem esforços repetitivos ou intensos nas articulações de seus ombros, como esportistas ou até mesmo pessoas que realizam atividades domésticas ou de escritório.

O que causa a bursite no ombro?

Com o ritmo acelerado do cotidiano, muitas vezes não nos damos conta dos impactos que a nossa rotina pode ter em nosso corpo. Um exemplo disso é a bursite no ombro, uma inflamação que pode ser extremamente dolorosa e limitante em nossas atividades diárias. Compreender as causas dessa condição é o primeiro passo para preveni-la e tratá-la de maneira efetiva. Por isso, é importante conhecer as principais causas da bursite no ombro, para que você possa evitar e tratar essa condição de forma consciente e segura.

A bursite no ombro pode ser causada por diversos fatores, que incluem:

  1. Traumatismos: lesões causadas por quedas ou impactos na região do ombro podem levar a uma inflamação dos bursas.
  2. Esforço repetitivo: atividades que envolvem movimentos repetitivos do ombro, como jogadores de tênis e levantadores de peso, podem provocar uma bursite.
  3. Postura incorreta: a posição inadequada do corpo durante atividades cotidianas, como trabalho no computador ou dormir em uma posição incorreta.
  4. Artrose: a degeneração das articulações do ombro pode provocar inflamação dos bursas.
  5. Lesões por esforço excessivo: levantamento de objetos pesados e movimentos repetitivos, podem também provocar a inflamação dos bursas.
  6. Infecções: condições médicas que afetam o sistema imunológico, como a gota, artrite reumatoide e diabetes, podem aumentar a susceptibilidade a infecções, aumentando o risco de bursite.

Se a bursa lesionada for submetida a esforço anormal ou a tensão contínua, a inflamação tende a piorar.

Segundo pesquisa do Portal Infonet “Esse problema ortopédico atinge principalmente aqueles que estão mais sujeitos ao reumatismo, ou seja, os indivíduos na meia idade (dos 38 aos 52 anos) ou os idosos, que se caracterizam pelo aparecimento gradativo de flacidez muscular, que progressivamente tendem a perder sua capacidade funcional e com isso podem deixar as articulações desprotegidas e consequentemente vulneráveis ao aparecimento da bursite”.

Sintomas de bursite no ombro

A bursite no ombro é uma condição incômoda que afeta muitas pessoas em todo o mundo. Por isso, é importante conhecer os sintomas da bursite no ombro para que seja possível identificar a condição rapidamente e procurar o tratamento adequado. Aqui vamos apresentar para você os principais sinais da bursite no ombro para ajudá-lo a compreender melhor essa doença.

Os sintomas de bursite no ombro mais comuns são:

  • Inchaço e sensibilidade na região
  • Dores no ombro que pioram com o movimento ou pressão, 
  • Dor que irradia para o braço, 
  • Flacidez no membro superior, 
  • Dificuldade para movimentar o braço,  
  • Fraqueza muscular.

Caso apresente algum sintoma, é indispensável que consulte um médico para receber um diagnóstico preciso que é feito por um ortopedista especialista e baseia-se numa avaliação atenta dos sintomas. Além disso, também são realizadas radiografias, ultrassonografias e ressonância magnética para confirmação do diagnóstico

Também preparamos para você um artigo especial sobre Dor no ombro: como aliviar esse problema? clique e tire suas dúvidas.

Tratamento de bursite no ombro

Para tratar a bursite, é importante que se você obtenha um diagnóstico preciso. Um médico especialista lhe indicará o tratamento adequado para aliviar e tratar os sintomas de bursite no ombro, assim você poderá executar suas tarefas diárias e ter um dia a dia sem dor. Conheça agora algumas formas de tratamento:

Repouso

Em casos mais leves, o repouso é uma das melhores opções para tratar a dor e inflamação. Isto pode incluir o repouso completo ou parcial, dependendo da gravidade da bursite. Se possível, é recomendado evitar movimentos repetitivos e usar gelo ou compressas para reduzir a dor.

Medicamentos anti-inflamatórios

Os medicamentos anti-inflamatórios prescritos por um profissional  também podem ser úteis para aliviar a dor. É importante seguir as recomendações de um médico especialista para obter os melhores resultados.

Fisioterapia

A fisioterapia também pode ser útil para aliviar a dor. Um fisioterapeuta pode te recomendar exercícios expecíficos que ajudam a melhorar a força, flexibilidade da articulação e pode também prevenir e controlar os sintomas futuros da bursite no ombro.

Cirurgia

Em alguns casos mais complicados, o tratamento cirúrgico pode ser necessário. Se houver um acúmulo excessivo de líquido ou se a bursite não responder aos tratamentos conservadores, pode ser necessário realizar uma cirurgia para drenar o excesso de líquido. Esta cirurgia geralmente é feita sob anestesia local e é muito simples.

Prevenção da bursite no ombro

Existem algumas estratégias que você pode adotar para evitar que ocorra esta inflamação. É importante colocar essas dicas em prática, principalmente se o seu dia-a-dia é muito agitado e tem muitas práticas com pesos elevados.

10 dicas para prevenir a bursite:

  1. Evite movimentos repetitivos ou esforços excessivos que possam sobrecarregar as articulações;
  2. Faça exercícios de alongamento e fortalecimento muscular para manter a flexibilidade das articulações e prevenir lesões;
  3. Use equipamentos de proteção adequados ao realizar atividades físicas que sobrecarregam as articulações, como joelheiras, cotoveleiras, etc.;
  4. Mantenha um peso saudável e pratique uma alimentação equilibrada para evitar sobrecarregamento das articulações;
  5. Evite ficar sentado ou em pé em uma mesma posição por longos períodos de tempo, pois isso pode causar compressão excessiva das bursas;
  6. Utilize calçados confortáveis e apropriados para cada atividade;
  7. Realize atividades de aquecimento antes de iniciar qualquer exercício físico;
  8. Estabeleça uma rotina de pausas quando estiver em atividades repetitivas por longos períodos de tempo, permitindo que as articulações descansem um pouco;
  9. Procure assistência médica ao primeiro sinal de dor ou desconforto nas articulações, pois tratamentos precoces podem prevenir o agravamento da bursite;
  10. Não negligencie a saúde das articulações, mantendo sempre uma rotina de cuidados e prevenção.

Se você é um atleta ou esportista e apresenta algum dos sintomas de bursite no ombro, procure um médico do esporte para obter orientação e conselhos para prevenir a bursite.

Importância do atendimento exclusivo

Um dos principais fatores para acelerar o tratamento para bursite no ombro é o atendimento exclusivo. Uma consulta com um especialista é importante para que se possa avaliar e tratar adequadamente a bursite no ombro. Isso porque existem alguns procedimentos e exercícios que podem ajudar a tratar e prevenir a bursite. Além disso, é importante ter orientações sobre como evitar a recaída ou o agravamento da dor no ombro

Conclusão

A bursite é uma condição dolorosa e desconfortável que pode ser tratada com medicamentos, repouso, fisioterapia e, em alguns casos, cirurgia. É importante identificar os sintomas corretamente para que possa ser tratada de forma adequada. Se você estiver sentindo algum tipo de desconforto no ombro, procure uma clínica para que possa tratar de forma adequada. 

Aqui na Clínica Vicci em BH, você encontra a ajuda necessária para melhorar a sua qualidade de vida, ter mais conforto e um dia a dia sem dores. Venha conhecer nosso espaço e aproveite de toda estrutura e de profissionais preparados para te ajudar com um diagnóstico preciso e um tratamento exclusivo e humanizado. Não deixe que a dor atrapalhe suas atividades diárias e comprometa sua saúde. 

Você merece cuidados de excelência e atenção médica individualizada. Venha conhecer a Clínica Vicci em BH e sinta a diferença em seu corpo e mente. Cuide-se e viva bem!

Entre em contato.

Leave a comment