Skip links
Dor no ombro o que pode ser, clinica vicci

Dor no ombro o que pode ser?

A dor no ombro refere-se a qualquer desconforto, sensação de aperto ou incômodo que afeta a região do ombro e é uma queixa comum que pode afetar pessoas de todas as idades. Ela pode ser causada por uma variedade de fatores e condições, impactando a mobilidade e qualidade de vida. Neste conteúdo, exploraremos as principais causas da dor no ombro, os sintomas associados, opções de tratamento e cuidados preventivos. Além disso, discutiremos quando é necessário procurar ajuda médica e quando você deve se preocupar com a dor no ombro.

Quais são as principais causas de dor no ombro?

A dor no ombro pode ter diversas causas, como lesões, inflamações, desgaste gradual das estruturas articulares, tensões musculares, problemas posturais, entre outros. Exploraremos agora as principais causas que podem levar à dor no ombro e como identificá-las:

  1. Lesões traumáticas, como luxações, fraturas, entorses ou distensões musculares. 
  2. Tendinite, que é a inflamação dos tendões do ombro.
  3. Bursite, é uma inflamação da bursa do ombro, uma estrutura de tecido mole que protege os tendões.
  4. Capsulite adesiva, também conhecida como ombro congelado, que envolve uma restrição do movimento do ombro devido a inflamação e formação de tecido cicatricial.
  5. Artrite, como a osteoartrite ou a artrite reumatoide, que afetam as articulações do ombro.
  6. Lesões do manguito rotador, que são lesões nos tendões dos músculos que estabilizam o ombro.
  7. Problemas posturais, como a síndrome de impacto subacromial, causada pelo atrito entre os tendões e a estrutura óssea do ombro devido à má postura.
  8. Lesões do nervo, como a síndrome do desfiladeiro torácico ou a compressão do nervo supraescapular.

Sintomas de dor no ombro

A dor no ombro pode se manifestar de diferentes maneiras, desde um desconforto leve até dores intensas que limitam os movimentos. Além da dor, outros sintomas comuns incluem rigidez, dificuldade em levantar objetos, estalos ou crepitações ao movimentar o ombro, entre outros. Vamos discutir os principais sintomas de dor no ombro a seguir:

  • Dor localizada no ombro.
  • Restrição do movimento do braço.
  • Sensação de fraqueza no ombro.
  • Dor ao levantar objetos pesados ou realizar determinados movimentos.
  • Inchaço, vermelhidão ou calor na região do ombro.
  • Formigamento ou dormência no braço ou mão.

Exames para diagnosticar a causa da dor:

Para determinar o que pode ser a dor no ombro, o médico pode solicitar exames como radiografias, ressonância magnética, ultrassonografia ou exames de sangue. Esses exames ajudam a identificar lesões, inflamações ou outras condições subjacentes que possam estar causando a dor.

Devo me preocupar com a dor no ombro?

A intensidade da preocupação com a dor no ombro depende da gravidade dos sintomas e do impacto na qualidade de vida. Se a dor persistir, piorar ou interferir nas atividades diárias, é recomendado procurar ajuda médica para um diagnóstico adequado e um plano de tratamento adequado.

5 sinais que você deve procurar ajuda médica

É importante saber quando buscar ajuda médica para a dor no ombro. Em alguns casos, a dor pode indicar condições mais graves que requerem intervenção profissional. Nesta seção, abordaremos os sinais de alerta que indicam a necessidade de uma avaliação médica e quando é recomendado procurar um médico ou especialista em ombro para um diagnóstico preciso e um plano de tratamento adequado.

É aconselhável procurar ajuda médica se:

  1. A dor no ombro for intensa e persistente.
  2. Houver inchaço significativo, vermelhidão ou calor na região do ombro.
  3. A dor for acompanhada de febre.
  4. A dor no ombro for resultado de uma lesão grave ou acidente.
  5. A dor no ombro interferir nas atividades diárias ou no sono.

O que fazer para aliviar a dor no ombro?

Se você está sofrendo com dor no ombro, existem medidas que podem ser adotadas para aliviar o desconforto no ombro. Nesta seção, apresentaremos dicas e técnicas que podem ser úteis no alívio imediato da dor no ombro, incluindo: 

Descanse o ombro:

Evite atividades que causem dor ou estresse excessivo no ombro afetado. O repouso adequado permitirá que os tecidos se curem e reduzam a inflamação.

Aplicação de gelo:

Aplique uma compressa de gelo na área dolorida por cerca de 15 a 20 minutos, várias vezes ao dia. O gelo ajuda a reduzir a inflamação e aliviar a dor. Certifique-se de envolver o gelo em uma toalha ou pano para evitar queimaduras na pele.

Faça alongamentos e exercícios de amplitude de movimento:

Sob a orientação de um fisioterapeuta, realize exercícios de alongamento e movimentação suave do ombro para manter a flexibilidade e prevenir rigidez. Esses exercícios ajudam a fortalecer os músculos ao redor do ombro e melhorar a estabilidade.

Utilize analgésicos de venda livre:

Medicamentos anti-inflamatórios não esteroides (AINEs), como ibuprofeno ou naproxeno sódico, podem ser úteis para aliviar a dor no ombro. Siga as instruções de dosagem recomendadas e consulte um profissional de saúde se a dor persistir.

Consulte um fisioterapeuta:

Um fisioterapeuta especializado em lesões musculoesqueléticas pode ajudar a identificar a causa da dor no ombro e desenvolver um plano de tratamento personalizado. Eles podem fornecer terapia manual, exercícios específicos e modalidades de tratamento, como terapia por ondas de choque, para aliviar a dor e melhorar a função do ombro.

Tratamentos disponíveis:

Existem diferentes opções de tratamento para a dor no ombro, dependendo da causa e gravidade do problema. Vamos explorar as opções disponíveis, desde fisioterapia e exercícios específicos para fortalecimento e alongamento dos músculos do ombro, até procedimentos médicos, como infiltrações ou cirurgias. Acompanhe a seguir:

Fisioterapia:

A fisioterapia desempenha um papel fundamental no tratamento da dor no ombro. Um fisioterapeuta especializado pode realizar avaliações detalhadas e desenvolver um programa de reabilitação personalizado para fortalecer os músculos do ombro, melhorar a amplitude de movimento e reduzir a dor. Isso pode incluir exercícios terapêuticos, técnicas de mobilização articular, massagem, liberação miofascial e outras modalidades de tratamento.

Medicamentos:

Dependendo da gravidade da dor no ombro, o médico pode prescrever medicamentos para aliviar a dor e reduzir a inflamação. Isso pode incluir analgésicos de venda livre, como paracetamol, ou medicamentos anti-inflamatórios não esteroides (AINEs), como ibuprofeno ou naproxeno sódico. Em alguns casos, podem ser prescritos medicamentos mais fortes, como opioides, para controle da dor.

Injeções de corticosteroides:

Em certos casos de dor no ombro, pode ser recomendada a aplicação de uma injeção de corticosteroides na região afetada. Essas injeções ajudam a reduzir a inflamação e aliviar a dor. Geralmente, são administradas com auxílio de ultrassom ou fluoroscopia para garantir uma precisão adequada.

Cirurgia:

Em casos graves e persistentes de dor no ombro, quando outras opções de tratamento não são eficazes, a cirurgia pode ser considerada. Os procedimentos cirúrgicos para dor no ombro podem envolver reparo de tendões, remoção de inflamações, descompressão de nervos ou até mesmo substituição da articulação do ombro. O tipo de cirurgia recomendado dependerá da causa subjacente da dor.

Terapias complementares:

Além das opções de tratamento mencionadas acima, existem terapias complementares que podem ser consideradas para ajudar no alívio da dor no ombro. Isso pode incluir acupuntura, quiropraxia, terapia por ondas de choque, terapia a laser ou outras modalidades de tratamento alternativas. É importante discutir essas opções com um profissional de saúde para determinar a sua adequação ao seu caso específico.

Cada caso de dor no ombro é único, e o tratamento adequado dependerá da causa subjacente e da gravidade da condição. É essencial consultar um médico ou fisioterapeuta para uma avaliação precisa e um plano de tratamento personalizado.

Veja neste artigo: Tudo sobre formas de tratamentos e como aliviar dor no ombro, aqui!

5 dicas de cuidados preventivos

Prevenir a dor no ombro é essencial para manter a saúde dessa região. Nesta seção, forneceremos dicas e orientações sobre cuidados preventivos, como manter uma boa postura, entre outros.

Para prevenir a dor no ombro, considere as seguintes medidas:

  1. Mantenha uma postura adequada durante as atividades diárias.
  2. Pratique exercícios de fortalecimento e alongamento dos músculos do ombro regularmente.
  3. Evite movimentos repetitivos ou sobrecarga excessiva nos ombros.
  4. Utilize técnicas adequadas de levantamento de peso.
  5. Faça pausas regulares durante atividades que exigem movimentos repetitivos dos ombros.

Conclusão:

A dor no ombro pode ter várias causas e sintomas. Identificar a causa subjacente é fundamental para um tratamento adequado. O diagnóstico precoce e o tratamento adequado podem ajudar a aliviar a dor, melhorar a função e prevenir complicações. Se você está enfrentando dor no ombro, consulte um profissional de saúde para uma avaliação e orientações adequadas.

Aqui conosco na Clínica Vicci em BH, você encontra conforto, atendimento humanizado, diagnóstico preciso e toda ajuda necessária com os melhores especialistas para tratar o desconforto no ombro.

Entre em contato e agende sua consulta!

Leave a comment