Skip links
Ortopedia ondas de choque clinica vicci

Ortopedia ondas de choque: recuperação muscular e articular

A Ortopedia com ondas de choque é uma inovadora abordagem terapêutica que tem ganhado destaque no campo da medicina musculoesquelética. Essa tecnologia não invasiva utiliza ondas mecânicas de alta energia para estimular o processo de cura e regeneração em lesões musculares e articulares.

Ao proporcionar uma alternativa eficaz a tratamentos tradicionais, as ondas de choque têm se tornado uma aliada poderosa na busca pela recuperação completa e rápida de diversas condições ortopédicas. Neste artigo, exploraremos em detalhes como a ortopedia com ondas de choque pode ajudar na recuperação muscular e articular, bem como suas principais indicações e benefícios. 

O que são ondas de choque na Ortopedia e como funcionam?

As ondas de choque na ortopedia referem-se a uma forma de tratamento conhecida como Terapia por Ondas de Choque Extracorpóreas (ESWT, do inglês Extracorporeal Shock Wave Therapy). 

Essas são ondas mecânicas de alta energia que podem ser aplicadas diretamente em áreas específicas do corpo para estimular processos de cura e regeneração.  A abordagem terapêutica é usada para tratar uma variedade de condições musculoesqueléticas, incluindo lesões do manguito rotador, tendinite, esporão calcâneo, entre outras. Veja a seguir como funciona o procedimento:

  1. Geração de Ondas de Choque:
    • O procedimento envolve a geração de ondas de choque mecânicas de alta energia fora do corpo.
    • Estas ondas são direcionadas para a área afetada do corpo, muitas vezes usando um equipamento especializado.
  2. Aplicação no Local da Lesão:
    • O equipamento emite as ondas de choque na área específica da lesão, geralmente guiado por ultrassom ou outras técnicas de imagem para garantir precisão.
  3. Efeito nas Células e Tecidos:
    • As ondas de choque geram um efeito mecânico que estimula a resposta biológica no local da lesão.
    • Isso inclui a liberação de fatores de crescimento, aumento do fluxo sanguíneo e estimulação da cicatrização.
  4. Redução da Dor e Inflamação:
    • A terapia por ondas de choque tem o potencial de aliviar a dor ao reduzir a inflamação e promover a regeneração tecidual.
  5. Estímulo à Cicatrização e Reparo:
    • A resposta celular à terapia por ondas de choque pode promover a formação de novo tecido, contribuindo para o processo de cicatrização.

Quais são as indicações para o tratamento com ondas de choque na Ortopedia?

O tratamento com ondas de choque é indicado para pacientes com condições musculoesqueléticas crônicas ou persistentes que não responderam a outras terapias conservadoras, como fisioterapia, repouso ou medicação. Algumas das principais indicações incluem tendinite do ombro, cotovelo de tenista (epicondilite lateral), fasciíte plantar, esporão de calcâneo, síndrome do impacto no quadril, entre outras.

Como é realizado o procedimento de ondas de choque na Ortopedia?

O procedimento de ondas de choque é realizado em ambulatório e geralmente não requer anestesia. O médico utiliza um aparelho de ondas de choque que emite pulsos de energia na área afetada. O número de sessões e a intensidade das ondas variam de acordo com a condição e a resposta do paciente ao tratamento.

A Ortopedia com ondas de choque é segura? Existem efeitos colaterais?

A Ortopedia com ondas de choque é considerada segura quando realizada por profissionais treinados. Os efeitos colaterais são geralmente leves e temporários, podendo incluir vermelhidão, inchaço ou sensibilidade no local tratado. Complicações graves são raras.

Benefícios e resultados esperados do tratamento com ondas de choque

O tratamento com ondas de choque na Ortopedia oferece uma série de benefícios e resultados esperados, tornando-o uma opção terapêutica altamente vantajosa para pacientes com condições musculoesqueléticas. Alguns dos principais benefícios e resultados esperados incluem:

  1. Redução da dor: As ondas de choque estimulam a liberação de substâncias analgésicas naturais no corpo, o que resulta em alívio da dor na área tratada. Isso é especialmente benéfico para pacientes que sofrem de dor crônica ou persistente.
  2. Melhora da função: O tratamento com ondas de choque pode melhorar a função das estruturas musculoesqueléticas afetadas, permitindo uma maior mobilidade e amplitude de movimento. Isso pode ser crucial para pacientes que enfrentam limitações físicas devido a suas condições.
  3. Estimulação da cicatrização: As ondas de choque promovem o aumento do fluxo sanguíneo para a área tratada, o que acelera o processo de cicatrização e regeneração dos tecidos lesados, incluindo tendões e ossos.
  4. Não invasivo: O tratamento com ondas de choque é uma abordagem não invasiva, o que significa que não é necessário realizar incisões ou procedimentos cirúrgicos. Isso reduz o risco de complicações e minimiza o tempo de recuperação.
  5. Menos efeitos colaterais: Em comparação com algumas terapias mais agressivas, o tratamento com ondas de choque apresenta menos efeitos colaterais. Os efeitos adversos são geralmente leves e temporários, como vermelhidão ou inchaço na área tratada.
  6. Retorno mais rápido às atividades: Com a aceleração do processo de cicatrização e redução da dor, muitos pacientes podem retomar suas atividades diárias e exercícios mais rapidamente, melhorando significativamente sua qualidade de vida.
  7. Tratamento de várias condições: As ondas de choque são eficazes no tratamento de uma variedade de condições ortopédicas, desde tendinites e fasciítes até problemas como esporão de calcâneo e cotovelo de tenista.

Quantas sessões de tratamento são necessárias?

O número de sessões de tratamento pode variar de acordo com a condição do paciente e a gravidade da lesão. Em geral, são recomendadas de 3 a 5 sessões, realizadas em intervalos semanais ou quinzenais.

Quais são as condições musculoesqueléticas mais comuns tratadas com ondas de choque na Ortopedia?

As condições musculoesqueléticas mais comuns tratadas com ondas de choque incluem tendinite, fasciíte plantar, epicondilite lateral (cotovelo de tenista), síndrome do impacto, esporão de calcâneo, entre outras.

Existe algum preparo específico antes de iniciar o tratamento com ondas de choque?

Em geral, não é necessário um preparo específico antes do tratamento com ondas de choque. Porém, é importante informar ao médico sobre quaisquer problemas de saúde ou medicações em uso.

A Ortopedia com ondas de choque é indicada para todas as faixas etárias?

O tratamento com ondas de choque pode ser utilizado em pacientes de diversas faixas etárias. No entanto, é essencial uma avaliação médica adequada para determinar a adequação do tratamento para cada paciente.

O tratamento com ondas de choque é doloroso?

O procedimento pode causar algum desconforto durante a aplicação das ondas de choque, mas a maioria dos pacientes tolera bem o tratamento. A intensidade das ondas pode ser ajustada de acordo com a sensibilidade individual do paciente.

Quanto tempo leva para sentir os efeitos positivos do tratamento?

Alguns pacientes podem sentir alívio da dor logo após a primeira sessão, mas os efeitos positivos geralmente se tornam mais evidentes nas semanas seguintes, à medida que o processo de cicatrização é estimulado.

As ondas de choque substituem a necessidade de cirurgia em algumas condições?

Em alguns casos, o tratamento com ondas de choque pode ser uma alternativa à cirurgia, especialmente em condições musculoesqueléticas crônicas. No entanto, cada caso é único, e a decisão sobre o tratamento mais adequado deve ser tomada em conjunto com o médico especialista.

Quais são as restrições após o tratamento com ondas de choque?

Após o tratamento, é recomendado evitar atividades intensas que possam sobrecarregar a área tratada por alguns dias. O médico pode fornecer orientações específicas para cada paciente.

Há alguma contraindicação para o uso de ondas de choque na Ortopedia?

Algumas contraindicações podem incluir gravidez, infecções no local de tratamento, distúrbios de coagulação sanguínea e uso de anticoagulantes. É importante uma avaliação médica completa antes do procedimento.

O tratamento com ondas de choque é coberto pelos planos de saúde?

A cobertura do tratamento com ondas de choque pelos planos de saúde pode variar, sendo importante verificar com a operadora do plano a disponibilidade do procedimento. Em alguns casos, o tratamento pode ser realizado em clínicas particulares sob pagamento direto do paciente.

Conclusão

A Ortopedia com ondas de choque é uma abordagem terapêutica inovadora e altamente eficaz no campo da medicina musculoesquelética. Utilizando ondas mecânicas de alta energia, essa tecnologia estimula a cura e regeneração em lesões musculares e articulares, oferecendo uma alternativa eficaz aos tratamentos tradicionais.

Indicada para uma ampla gama de condições ortopédicas, como tendinites, fasciítes e dores musculares, as ondas de choque aceleram o processo de cicatrização, melhoram a circulação sanguínea e reduzem a dor, resultando em recuperação mais rápida e completa.

É uma opção especialmente para pacientes que não responderam adequadamente a outras terapias conservadoras. Segura, não invasiva e realizada em ambulatório, o tratamento com ondas de choque pode ser uma alternativa à cirurgia em alguns casos.

Se você estiver enfrentando problemas musculoesqueléticos persistentes e busca uma abordagem terapêutica eficaz, nós da Clínica Vicci em BH possuimos profissionais especializados prontos para fornecer o tratamento adequado às suas necessidades.  Entre em contato!

Leave a comment